Notícias

28.02.2018

CRF/SE PROMOVE REUNIÃO ENTRE INSTITUIÇÕES PARA PLANEJAR PRÓXIMOS PROJETOS NA ÁREA FARMACÊUTICA



O CRF/SE inicia a semana com a iniciativa de integração entre instituições da área da farmacêutica. Na tarde desta segunda-feira, 26, o Conselho convidou as Vigilâncias Sanitárias estadual e municipal, os representantes dos cursos de Farmácia no estado e os representantes das Sociedades Brasileiras de Farmácia (Comunitária e Hospitalar) em Sergipe para se reunirem em favor de decidir os próximos projetos do CRF/SE.

 

O objetivo da reunião foi mostrar para os farmacêuticos e para a população que o Conselho está de portas abertas para uma construção coletiva e democrática, além de estar aberto a ajuda para planejar e realizar eventos e outras ações para a valorização profissional e de promoção da saúde.

 

Para Elisdete Santos, Secretária-Geral do CRF/SE, é importante para o Conselho que as instituições convidadas conheçam as propostas da nova diretoria. “Esse é o primeiro encontro de muitos programados para possibilitar esse tipo de diálogo. Hoje tratamos de um tema específico, a campanha do Uso Racional de Medicamentos, mas como tantos outros temas importantes que estão surgindo, precisamos também chamar as instituições para conversar, para debater, para nos ajudar a conceber essas decisões em relação à ação”, explica Elisdete.

 

A Presidente da Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde em Sergipe (SBRAFH), Maria das Graças Pires de Almeida, ressaltou a importância da campanha para o Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos: “A campanha acontecerá entre os dias 02 e 05 de maio e visa conscientizar à população sobre o Uso Racional de Medicamentos e mostrar serviços básicos relacionados ao uso correto e racional dos mesmos”.

 

“Essa reunião, além de sua importância para o acordo entre os novos passos do Conselho, foi um marco para a farmácia e a vigilância sanitária do estado”, ressaltou Pádua Pombo, farmacêutico e Coordenador Estadual da Vigilância Sanitária. Segundo ele, essa foi a primeira vez que as duas instituições vão trabalhar em conjunto desde o início de sua gestão à frente da Vigilância Sanitária há 10 anos. “Nós já mantínhamos parcerias com outros conselhos regionais da área da saúde e agora vai ser ótimo trabalhar com o Conselho em Sergipe. Hoje foi o primeiro passo. A tendência é caminhar para a consolidação e potencialização dessa parceria, para que possamos alcançar os objetivos a que nos propomos”, afirma Pádua.







Copyright © 2018
Direitos Reservados