Notícias

19.03.2018

SERGIPE SE DESTACA NA 64ª REUNIÃO GERAL DOS CONSELHOS DE FARMÁCIA



A Diretoria do Conselho Regional de Farmácia de Sergipe (CRF/SE) participou da 64ª Reunião Geral do Conselho Federal de Farmácia (CFF), realizada em Brasília, entre os dias 14 e 16 de março, para debater pontos capitais da profissão e questões políticas de importância nacional para os farmacêuticos. 

 

Durante a reunião, que contou com a participação da Vice-Presidente Larissa Feitosa, do Diretor-Tesoureiro Fábio Ramalho e da Secretária-Geral Elisdete Santos, Sergipe se destacou por colocar em pauta: o pedido de isenção de anuidade e taxas administrativas dos serviços públicos ligados à área farmacêutica, para que dessa forma seja regularizada a situação dessas instituições perante os Conselhos; foi questionado a regulamentação dos técnicos de análises clínicas, apresentando os anseios desse grupo que não se sente contemplado nas resoluções e programas do Conselho Federal de Farmácia, apesar de serem inscritos  nos CRFs;  e a autonomia dos Conselhos quanto a negociação de dividas dos farmacêuticos e dos estabelecimentos perante seu Estado.

 

A Diretoria do Conselho Federal de Farmácia garantiu a autonomia dos Conselhos quanto ao parcelamento de dívidas, de acordo com a realidade de cada Estado, e os demais pontos colocados pela Diretoria do CRF/SE serão avaliados.  A fiscalização profissional, o horário mínimo de assistência farmacêutica em clínica de estética e em consultório farmacêutico independente; a fiscalização das vigilâncias sanitárias, nas farmácias; os critérios e parâmetros para o reconhecimento de cursos livres, cursos EAD (educação à distância), a participação dos farmacêuticos na ação do Bem Estar Global e os resultados da consulta pública do CFF sobre o exame de proficiência foram alguns outros dos temas debatidos.

 

Segundo a Vice-Presidente, Larissa Feitosa, a reunião foi de suma importância para a nova diretoria. “Nessa reunião Sergipe atuou plenamente, foi o segundo encontro da atual gestão no Conselho Federal, oportunidade que tivemos de levantar e esclarecer alguns pontos como a desmistificação do trabalho da fiscalização, por exemplo e formar parcerias com as diretorias de outros regionais”, disse Larissa.

 

Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS

Os Conselhos Federal e Regionais de Farmácia aproveitam o momento de 64ª Reunião Geral, em Brasília, para apoiar a iniciativa do Ministério da Saúde que incrementou semana passada 10 novas práticas à atual Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no Sistema Único de Saúde (PNPIC), o que representa um avanço para a saúde pública nacional.

 

As práticas integrativas já são uma realidade no país. Desde a implantação da PNPIC, em 2006, o acesso dos usuários do SUS a essas práticas integrativas tem crescido exponencialmente. A sua inserção na rede de atenção à saúde como ferramenta de cuidado tem por objetivo ampliar a abordagem clínica e as opções terapêuticas ofertadas aos usuários, podendo ser utilizadas como primeira opção terapêutica ou de forma complementar ao tratamento.

 

Para o CFF essa política fortalece a equidade, um dos princípios básicos do SUS e segue as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) que preconiza a promoção do cuidado ao paciente em sua totalidade e a saúde como serviço multiprofissional.


O diretor Tesoureiro do CRF/SE, Fábio Ramalho, ressalta que é imprescindível para o sucesso das práticas integrativas que o Ministério da Saúde promova as condições de trabalho aos profissionais e a real inserção das práticas integrativas no sistema público, seja tanto na prevenção quanto no tratamento de doenças.

 

Comenda do Mérito Farmacêutico

 

O encontro foi encerrado na noite da sexta-feira,16, com a solenidade de outorga da Comenda do Mérito Farmacêutico, a maior honraria concedida na profissão farmacêutica, no País.  A farmacêutica, professora Doutora Francilene Amaral da Silva recebeu a comenda representando o Estado.

Ao todo, vinte e sete farmacêuticos e um promotor de Justiça, representando cada Unidade da Federação, foram homenageados com a Comenda, por terem contribuído para o fortalecimento da profissão farmacêutica. Durante a solenidade, o CFF premiou os farmacêuticos e estudante de Farmácia vencedores da edição de 2017 do Prêmio Jayme Torres de Farmácia. 







Copyright © 2018
Direitos Reservados